sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Saudade vai me matar


Você teve que viajar
Com a família noutro país morar
Eu, sem dinheiro, sem posses
Não podia não deixar
Você esperneou, família não considerou
Disseram que sou um homem sem futuro
Erraram
Sem você no presente
Só sou o futuro
O futuro de poder lhe buscar
Sem você
Maluco de amor
Vou para o aeroporto
Esperando dois aviões pousar
Pousam vários, você em nenhum deles estar
Choro, choro, queria poder voar
Atravessar o oceano
Pelo menos lhe beijar e retornar
Não, quem tem boca não vai a Roma
Só quem tem dinheiro
Só tenho amor
Que sem você não sabe voar
Amor, vou aprender a nadar
Eu juro por Deus
Vou lhe buscar!

==


Somos

Somos...
Saudades reprimidas,
Desejos contidos,
Silêncios gritando de dores,
Céus,
Infernos,
O motivo de alegria,
O motivo de tristeza,
Fragilidade,
Mentiras,
Verdades,

Somos...


Acima de tudo aquela enorme vontade de viver um grande amor como todos já sonharam um dia.

==





Nenhum comentário: