sábado, 14 de fevereiro de 2015


Quero mais

Não quero ser amigo
Não me dê abracinho camarada
Me aperte com gosto
Não me fale palavras de conforto
Murmure algo insinuante, moça
Eu quero é fazer amor com você!

xxx

Ausência

Saudades...
senti,
sem ti.

==









Nenhum comentário: