quarta-feira, 12 de março de 2014

Cada um ama a seu modo, mas ninguém ama mais ou menos do que o outro. Ama-se ou não!

Há quem não saiba é manifestar isso com eloquência.

==


Basta ser importante para alguém, não o mais importante para alguém. Deixemos de vaidade boba. Não que sejamos o plano b, mas somos coadjuvantes necessários na vida de algumas pessoas assim como somos o artista principal na vida de outras.