sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

_ Ô cumpade, tô precisando embirrar minha fia mais véia.
_ É verdade cumpade, sinhá já tá ficando pra titia.
_ Cê me ajuda arrumar um marido pr'ela, cumpade?
_ Posso fazê um esforcinho, sô!
_ Vou ficá muito agradecido.
_ E qual o tipo de sujeito qu'ela gosta?
_ Deixa isso comigo, me apresente o cabra.
_ O fio de Manelim tá no posto, sô.
_ O cabra é bão?
_ Num bebe, num fuma, num mente, num fode.
_ Lugar de santo é no céu, cumpade!
_ Tem o filho de Veríssimo!
_ E esse, cumpade, é bão?
_ Fuma, bebe, mente e fode, mas é amorento que só ele.
_ Fechado, cumpade, achei esse mió. Se o filho de Veríssimo é amorento, não precisa outro.
_ Por que, cumpade?
_ Quem tem amor, dispensa outros predicados, sô!