terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Não sabe o que fazer? Eu também não, muitos outros não sabem. Estamos numa situação melhor. Os que sabem o que fazer tem o semblante mais carregado que nós.

=

Eu não posso fazer o que quero. Sorte minha! Tem gente que podia fazer o que quisesse e se perdeu na autossuficiência. 

==
Se o que alimenta sua memória, mas enfraquece seu coração, não é veneno, é o que, suicida?

==

Esquece-se de esquecer e sofre por excesso de lembrança. Não tá na hora de achar um motivo novo para vibrar e depois, se tiver que ser, doer um dor nova?


Nenhum comentário: