segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015



Com alguém que amamos

Com alguém que amamos podemos pular de mãos dadas no abismo. A sensação não será de uma queda iminente e sim de um voo diferente.

Com alguém que amamos não precisamos pisar nos freios. A sensação do amor suplanta os problemas do cotidiano.

Com alguém que amamos não existe pensamentos fantasmagóricos, não existe medos, dúvidas e procedimentos estereotipados.
  
Com alguém que amamos sentimos prazer, gana, intensidade e sabemos o que é o sentido da vida.

==

É fácil justificar no outro o próprio fracasso

É fácil se fazer de vítima quando inconscientemente se vive disso.

É fácil se fechar num mundo egoísta e deixar escapar lampejos de amor.

É fácil se entregar ao previsível, se entregar ao gelado que não faz sofrer.

É fácil sofrer quando na verdade não temos é coragem pra viver.

É fácil esconder corpo e alma e jurar motivos.

É fácil muita coisa para justificar a própria covardia.

Difícil é se responsabilizar, bater no peito e admitir: eu sou inseguro!

Difícil é ter a coragem e a certeza de correr o risco do real viver.

Difícil é se mostrar solidário e doar....escancarar o amor.

Difícil é encarar o desconhecido e lutar por algo que dê sentido.

Difícil é ser feliz admitindo que o amor é a prioridade absoluta.

Difícil é expor corpo, cara e coração e doar sem restrições.

Difícil é encontrar alguém que diga: “ Eu arrisco tudo pelo amor!

==