quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015


Incompatibilidade

Amor e razão
Sentimentos distintos
Não são inimigos
Mas não andam juntos

==

Um amor que dói


Um amor que dói sem a presença da mulher amada
Um coração fervilhando, exigindo a sua presença
Uma vida que ficou fraca, vazia e sem graça
Tento despistar, não consigo, parece uma sentença

Como faz falta as alegrias compartilhadas
O beijo, o abraço, o sexo, a sensação do apaixonar
Um amor que dói sem a presença da mulher amada
Um coração fervilhando exigindo sua presença

Como um amor acaba sem aviso e sem sinais?
Então eu amava pelos dois e não imaginava?
Abandonado, largado ás traças, finjo sorrisos
Por dentro a tristeza dilacera , a saudade judia
Um amor que dói sem a presença da mulher amada