segunda-feira, 27 de abril de 2015

Só se ama por algum interesse. Sexo, receber amor de volta, conveniência, ser cuidado, companhia, proteção e outras coisas.

Amar por amar? Acredito não! O nosso “amor” ao próximo é apenas um descarrego de consciência por se imaginar que assim podemos ir, se acaso existir, para o céu.

==

O metro quadrado onde se encontra o maior número de gente chata e ranzinza é na igreja.

==

Num barzinho com os amigos, além de contar mentiras sobre as mulheres que nunca tivemos, também tomamos uma cervejinha.

==

O aviãozinho de papel que vi uma criança lançar para o alto, me transportou para um mundo maravilhoso onde eu levava passageiros que foram especiais na minha vida.