sábado, 29 de agosto de 2015

O psiquiatra débil mental me curou da loucura. Era nela que eu encontrava rigores, ardores, motivos e amores.

==

Às vezes a gente até rir, mas como um sorriso emprestado. Anda faltando sorrisos de verdade.