sábado, 23 de janeiro de 2016

Ensinei meu papagaio dizer  “ te amo” com a dicção melhor que a sua. Como ele é inocente, acredito no amor dele. Quanto ao seu ‘te amo”, ainda soa mecânico já que não vem acompanhado de atitudes e nem inocência.

Dá o pé, loira?

==


Paga o dízimo religiosamente e ignora completamente um necessitado que passa pela rua e implora por uma ajuda.