domingo, 17 de abril de 2016

A nossa fraqueza, o nosso excesso de ego e nossos medos criam situações que nunca houveram de verdade e encontra um culpado para justificar nossa pequenez.

==

Porta cerrada não precisa arrombar, mas seu temperamento não apura nada, não é?

==

Jazer sem morrer? Contaminar quem tá vivo? Putrefação em vida?


==

Não que sofrimento seja uma opção, mas se sabemos que a vida é vibração e intensidade, alternância entre momentos bons e ruins, deveríamos absorver tudo com naturalidade. Vai doer, mas vai dar prazer lá na frente, uai. Entender isso e ignorar a dor ou pelo menos não absorvê-la com tanto peso, sei lá.

==