segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Ela não superou a dor de cada amor perdido pela estrada da vida. Uma dor que incomoda, que a deixa chorando sem lágrimas, sorrindo de mentirinha e o pior, com uma espécie de lucidez que gera desesperança e falta de vontade de tentar de novo.

==

Tirar a bunda da cama e ir. Pra onde? Nâo importa. Levanta e vá!

==

O peso dela é forte!
O pesadelo continua.

==

Mudar assim é diferente de mudar assado. Mudar pensamentos é diferente de mudar atitudes.

Cuidado com mudanças de araque.

==