quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

O silêncio pós-orgasmo é mais que um relaxamento físico, é o momento da melhor ceia da alma.


==

Quando ela soube que seria a minha estrada se tornou esburacada, escorregadia, com abismos e cheia de curvas.

Maldade dela? Não!


Ela já tinha sido uma estradinha pavimentada, reta, bem sinalizada e que só conduziria a cidadela do previsível.

==

Ninguém perdoa porque quer ou não quer, é um acontecimento, mas fazer cu doce com errinhos e atropelamentos de um ser humano passional como nós? Ah, tenha dó, né! 

==


Você é daqueles que ficam presos em volta da panela ou faz uma coisa aqui e outra ali arriscando ter que chorar depois o leite derramado?

Nenhum comentário: