sábado, 20 de maio de 2017


Você morreu, pois sei que quem tinha sua fervura, não daria tempo de atingir essa frieza ainda em vida.

==

A dor, o prazer, o sucesso, a derrota, o riso, a lágrima, o amor, o ódio. Tudo se integra de tal forma que deveríamos aprender a conviver com a glória e a inglória com uma certa naturalidade, mas não, a gente não consegue se libertar dos grilhões que nos aprisionam e a gente sofre, fica frágil e muitos se tornam infelizes para sempre.

==

A gente sabe que tem um fim lá na frente, mas a gente vai porque sabe da intensidade do que será vivido até lá.

O que a gente não aprende mesmo é saber conviver com o fim de o que pedia eternidade.

==

Depois de uma desilusão imensa? Um momentinho bom aqui, outro ali, até se refazer e acreditar que a gente pode começar tudo de novo na boa.

==






Nenhum comentário: