sábado, 28 de fevereiro de 2015

Nunca se quebra a cara quando se faz o que o instinto manda. Às vezes nãos sai como se imagina, mas ainda assim estará saciado um desejo que latejou no ser.

==

Não sofro da incerteza de amanhã porque meu hoje me ocupa executando o que me provocou ontem.

==

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Há quem fique passivo esperando o milagre acontecer esquecendo que o fazer agora é a construção do milagre do porvir. Você acha que o milagre acontece para alguém assim?

==

Muitos sofrem da inaptidão de lidar com o que demora transbordar. O segredo talvez seja até que ponto esperar.

O que tem que ser... Será?

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Solidão não é quando você está só com você mesmo, isso é uma fase de depuração e de um tempo realmente necessário para alguns questionamentos particulares; solidão é quando falta a parte mais importante de você em você e, não se achando, não tem a quem recorrer.

==

Durante o processo de maturação e solidez, dói, mas, a gente foge e perde algo valioso por não suportar nem dores essenciais.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Uai, quando novo era como algo normal, não tinha tanta graça, agora depois de velho é que ficou emocionante perder o juízo.

==

Talvez se parássemos para pensar e nos perguntássemos o porquê da dor, do sufoco e desse trem doido que machuca, mas a gente acostumou até a sofrer. Vai ver que é só uma absorção errada nossa sobre as coisas, sei lá. Viver e envolver gera coisas fortes mesmo. Melhor a gente ignorar certas dores. Como? Procurando dores inéditas e parar de ruminar o que já não é mais. Difícil? Sim, mas...

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Estar vulnerável, transparente e se mostrando vazio e desestimulado? Quem vai aproximar? Enganemos no semblante pelo menos e façamos com que alguém aproxime, nos faça uma sondagem e quem sabe nessa invasão nos desperte algo.

==

Ainda que com um sorrisinho nos lábios, a gente é prepotente, cheio de si, povoado só de ego e ainda que tentemos disfarçar com um sorrisinho amarelo, não nos enganemos, pois não deixamos escapar nenhuma simpatia e leveza.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

A gente é escravo do próprio temperamento e personalidade. A gente queria assim, mas algo dentro de nós quer assado e pronto.

==

Paz demais é algo parecido com morte. Há de se ter o espírito perturbado para a vibração do viver.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

A sensação do impossível é o que nos faz mal.

==

Que coisa sádica e masoquista essa que cutuca a alma da gente?

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Por mais que lemos e sabemos da lógica disso, por que não damos o primeiro passo?

Ah, bruta flor da passividade!

==

Nessa vida podemos ser abandonados e injustiçados e nesses momentos poderíamos ser refugiados no próprio amor, no entanto não nos amamos o suficiente e sofremos mais do que o necessário.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Nem falo de um ambiente perfeito onde o que deveria reinar seria a bondade, a humildade e o amor, mas pelo menos um ambiente onde as pessoas não andassem armadas, esperando apenas um pequeno incômodo para agirem com gestos agressivos, grosseiros e desrespeitosos.

== 

Você se preparou para ser feliz Domingo, a felicidade veio hoje e lhe encontrou desprevenida, foi isso?


quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Plvaras mla cloacodsa  pcomlica em evz de sluocoinar.

Não tendo certeza do que vai falar, cale-se!

==

Moro numa casinha simples feita de pau oco e tenho uma santinha dividindo espaço comigo.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

...E tem dia que levanto achando que sou único no mundo e nessa solidão advinda não sei de quê, ignoro tudo e todos para amaldiçoar os deuses que fizeram a sacanagem de me colocar num lugar que não me cabe e não me pertence.

...E tem dia que levanto achando que não devo dormir tanto para aproveitar mais esse mundo gostoso e abençoado que me foi dado de presente por um Deus maravilhoso.

Tudo é uma questão de estado de espirito.

==

Beijar alguém que ama não é apenas umedecer os lábios, é sugar um pouco de alma doce.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Um idiota calado não é confundido com um mudo ou com um tímido. Ele faz gestos idiotas.

==

As pessoas querem garantia e segurança. Eu não! Quero o risco do tombo,  mas com liberdade para voar e subir alto.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Você se satisfaz com noventa por cento de alguém? Não? Mas você dá quanto de si?

==

Há assassinos clássicos que andam com revólveres e simplesmente atiram, outros carregam a munição na saliva e com beijos mentirosos e a língua afiada matam mais que a lâmina de um punhal.

domingo, 15 de fevereiro de 2015

A gente não é, a gente vai se tornando, portanto nunca somos originais e estáveis.

==

De gota em gota e em pequenas doses para não ser tão explicitamente mal, você não vem judiando de algumas pessoas?


sábado, 14 de fevereiro de 2015

Você não é daltônico, então por que o sinal está verde e você não passa?

==

A dor profunda do perder fica aquém da delícia do enquanto durou aquele grande amor.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Tristeza nem sempre vem à revelia, tem algumas que parece que insistimos para que venha.

==

A ansiedade e as nossas crises melodramáticas nos tornam vazios, pois trocamos o tempo presente por um já consumido ou por outro que nunca existiu.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Deve ser terrível morrer, quando se tem a consciência de que está perdendo uma vida que não foi vivida. Morrer morto dói mais!

==

Quero arriscar mais e isso já me fará sofrer menos. Consequências? Seria maiores ou menores com a passividade? Pois é!

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Você pode ser um aguinha de benevolência num ambiente seco e rude.

==

Se não for agora, pode não se dar nunca. 

Dê, pois.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Você não soube beijá-la como bebendo da alma dela. Eu soube. Agora ela não volta mais. Para sempre minha!

==

Viver é amar, respirar, comer, cagar e dormir. Quem acha tempo para outra coisa, sufoca, fica com fome, constipado e com insônia.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Para um homem sem classe como eu, discutir sobre posição sexual é melhor que discutir sobre posição social.

==


Tenho pouco dinheiro, por isso gasto rápido e tenho tempo de lidar com pessoas. Boas? Poucas como o dinheiro, mas que têm muito valor.

domingo, 8 de fevereiro de 2015

Nosso coração não bate pelo outro, bate por nós mesmos. O outro serve para tirá-lo do ritmo em forma de amor ou de desamor. Arriscar sair do tum tum do mundinho particular, né?

==
                    
Todos nós somos imbecis individualmente, portanto a nossa sociedade é uma bosta.

sábado, 7 de fevereiro de 2015

Até aqui já valeu? Se não, mude. Morrer sem ter valido deve ser horrível.

==


Sei de um navio que esperou a maré baixar e naufragou nas águas calmas.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Fechar-se para riscos desnecessários? O amor faz parte deles. Seria uma reclusão suicida.

==

Não sendo nada violento, qualquer loucura é melhor que a imbecilidade que reina.



quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Você trilha, infeliz, um caminho que não escolheu alegando que foi um escolha de Deus, mas você apenas encobre sua passividade e covardia usando a palavra resignação como justificativa.

==


Meu silêncio seria estrondoso demais para você. Grito para tapear.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Fechar-se para riscos desnecessários? O amor faz parte deles. Seria uma reclusão suicida.

==

Não sendo nada violento, qualquer loucura é melhor que a imbecilidade que reina.


==

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Não tenho agenda porque sei que lá estaria o trivial e viver interessante requer compromissos “inagendáveis”.

==


Por que a insistência de achar que tem em seu coração alguém que já soverteu e já habita noutro músculo oco?

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015


Somos trocados sem termos perdido a validade e nesse vazio e na decepção que fica acreditamos não servir mais pra ninguém.

=

Amor com garantias é apenas conveniência; amor que é amor é enquanto, é encanto e medo

domingo, 1 de fevereiro de 2015

O problema de todo mundo? Aguentar só até o ponto x!

Você acha que vale à pena insistir muito?

Onde fica seu ponto final?

==

Mulher, quando vier aqui me traga o seu mundo e lhe darei o meu. Esqueça tudo mais lá fora.

Não quero saber de sua vida, mas de sua vinda.