segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Pode adubar e não florescer, mas sem jogar semente, adianta adubar não, neném.

==


No fundo você ama muito, mas não muda o jeito "tanto fez como tanto faz". Perderá quem você ama por fazer o papel de frio. Por quê? Pra quê?


==


Tendemos, antes de analisar se devemos dar a segunda chance, agir de uma maneira equivocada, pois só conseguimos enxergar o que foi péssimo.


A segunda chance não está sendo dada só para o outro. É sua também. Você, num grau meno, também pode ter errado 
 e foi sendo conivente com muitos erros.


A segunda chance que você não oferece pode ser a recusa da própria felicidade. Cuidado com chavões e frases prontas. Há pessoas que aprendem e voltam melhores sim e podem fazer toda a diferença favorável na nova fase que pode começar.


==